suivre par email

4 de dez de 2011

C’EST LA VIE





C’EST LA VIE
Thiers R>



Na soma dos acertos

sobra-me “um”

matemática infalível

resto de noite

jeans rasgado

barba por fazer

e o cheiro que me deixaste

a noite perdeu esquinas

os números são alegoria

gastamos horas

sob o som de estrelas desequilibradas

solfejo partículas

equação subdividida

“menos um

mais um”

é igual a este instante impreciso

hora de ir pra cama

não porque quero amar

hora de ir pra cama

agora te desejo menos

hora de ir pra cama

a manhã me acorda

hora de ir pra cama

o trabalho me espera

hora de ir pra cama

sob intensa interrogação (?)



>

3 comentários:

Ivy Gomide disse...

"..os números são alegoria

gastamos horas

sob o som de estrelas desequilibradas

...........

“menos um

mais um”

é igual a este instante impreciso..."


Meu querido amigo, eu fico emocionada toda vez que leio algo assim, como pode um instante impreciso ter esta vulnerabilidade? Vc é demais!!!!

sol pereira disse...

Olá,
Cá estou a te visitar

Amei muito,

Agora é a minha hora de ir para cama.
O dever me chama,
Aquela chama?
vou apagar
junto com o meu amor...

Nas labaredas da paixão

Beijos, até

Daisy Carvalho disse...

Terceira tentativa de visita pq estava fora do gmai, mas, valeu a pena. A resposta, se não me engano era:
" as palvras 'poeta' e 'cama' juntas fazem um farra hehe."
beijo, querido e obrigada pela amizade.