suivre par email

26 de set de 2010

NOSSA PELE



NOSSA PELE
Thiers R >


Aport’o templo amor

inexplicável física

retifica

indecifrável magia



conheço os silêncios pirilampos

na cavidade da lua

abrigo de ventos curvos

a germinar invernos.




>2010




> > > > >

Um comentário:

equipe disse...

conheço os silêncios pirilampos

na cavidade da lua

abrigo de ventos curvos

a germinar invernos.



Lindo isto Thiers, não tnho dúvidas vc é um gde poeta.