suivre par email

20 de dez de 2007

trapo bem tratado






Trapo bem tratado
ThiersR>


O disfarce mora na letra encoberta
Cuspo-a semente fétida
assumo ->quero ser trapo
- trapo bem tratado...
lavado, amado, perfumado
nos dedos de uma bailarina in Dangast
passos dançam rendas
olhar corrompido
guardo-a em comprimido
Voa avião de papel
traz disfarces
veste-me pierrôt em alegoria
diáfana&incrédula
onde a obscenidade
algema loucura
arrogante
2007>
>

Um comentário:

ana wagner disse...

Bem vindo ao mundo Blogger, Thiers! O blog está a tua cara: irreverente como sempre. Adoro o que escreve, é forte e sem travas na língua.
Beijos natalinos!