suivre par email

27 de fev de 2008

MATISSE & O CARAMUJO


Matisse & o Caramujo
Thiers R>&Michèle Sato

doce, sensível, curioso
lambe azuis,
vermelhos e amarelos
arco-íris de palavras
fragrância de memórias
discerne in cheiros
eriça pêlos
Talvez dum amor
que os arrepiou
pousa
in tensa-sua-vida-de
trêmulos dedos
mergulh’Ar Dores
borbulham nomes
color-indo-cubos
jorra flauta
sedutora
memória
desconcertante
erótica, gosmica
calça dedos
inscreve amor
corpo louco
deita cama
do pintor

>Setembro2007<

>>>

Um comentário:

Max da Fonseca disse...

Carpe Desejo in Vida... ao seu estilo!